Casa » Trabalhar » Emprego na construção e ocupação » Quantos tipos de soldagem existem?

Quantos tipos de soldagem existem?

Metal de solda é o processo de permanentemente unindo dois pedaços de metal ou plástico. Existem vários métodos de soldagem para diferentes fins. A maioria usam calor extremo para derreter os dois materiais juntos. Alguns usam meios alternativos, como o estado sólido de soldagem em materiais, que não lidar com calor muito bem. Processos de soldagem mais são relativamente novos, a desenvolver durante a revolução industrial e após o uso comum de electricidade.

Soldagem a arco

Este tipo de soldagem utiliza uma fonte de alimentação a solda para criar um arco elétrico entre o eletrodo do soldador e o metal sendo soldado. O arco elétrico aquece o metal de ponto de fusão. Arco de solda é muito popular por seu baixo custo. Muitos tipos de soldagem de arco existem, incluindo arco de metal blindado, MIG soldagem, arames tubulares, gás inerte tungstênio e soldagem a arco submersa. Estes são os mais comumente usados.

Energia de soldagem

Energia de soldagem, também conhecido como laser ou elétron feixe soldagem, é um processo muito novo. Este processo de soldagem é rápido e é fácil de automatizar, tornando-se útil para a fabricação de alta velocidade. Elétrons ou feixe de laser soldagem fazer uso de um altamente focada a laser ou feixe de elétrons. Energia de soldagem tem uma start-up alta custa, que é a grande desvantagem para este tipo de soldagem. Também é propenso ao craqueamento térmico, que ocorre quando o metal é mais tarde exposto a mudanças extremas de temperatura.

Gás de solda

Gás de soldadura, também conhecido como maçarico de soldagem, é um dos mais antigos tipos de soldagem e costumava ser muito comum. Gás solda faz uso de uma chama alimentada por gás acetileno através da tocha de soldagem. Ele é usado para muitas aplicações industriais e é bastante barato. Soldagem de arco substituiu gás em popularidade para processos industriais e de manufatura. Uma grande desvantagem ao gás é que leva mais tempo para a solda esfriar.

Resistência de soldagem

Resistência de solda ou soldagem a ponto, como é às vezes chamado, envolve a aplicação de uma corrente elétrica entre dois pedaços de metal. A corrente derrete uma secção muito pequena ou spot de dois metais para o ponto de fusão, selando-os juntos. Soldagem de resistência é menos perigoso do que o gás ou arco soldagem e fácil de usar e automatizar para processos de fabricação simples. Soldagem de resistência é limitado no aplicativo e pode realmente apenas Junção duas sobrepostas peças metálicas juntos. Custos de equipamento inicial também são elevados.

Estado sólido de soldagem

Soldagem de estado sólido é interessante porque junta-se dois pedaços de metal através de pressão e vibração. Nenhum calor é usado para derreter os metais. Em vez disso, a enorme pressão e a vibração faz com que os metais a troca de átomos através de difusão, juntando as duas peças como um. Existem vários tipos de soldagem de estado sólido, incluindo ultra-som, explosão de solda, fricção, rolo de solda, pulso eletromagnético, co-extrusion, soldagem a frio, difusão, exotérmica, alta – freqüência de soldagem, pressão quente e soldagem de indução. Preparação minuciosa da superfície do metal é necessária antes de começa a soldagem de estado sólido. O equipamento também é um pouco caro.

Forjar a soldagem

O tipo mais antigo de soldagem é a forja soldagem praticada por ferreiros. Na forja soldar duas peças de aço de baixo carbono são aquecidas a n/a graus Fahrenheit e marteladas juntos. Soldagem Forge é versátil e utilizado no fabrico de uma gama de produtos. Infelizmente, este tipo de solda tem várias desvantagens. Demora muito tempo para o metal de solda. Só aço de baixo carbono pode ser soldado dessa maneira. Soldadura por vezes é comprometida por carvão utilizado no aquecimento do forno. Ferreiros exigem um elevado nível de habilidade para forjar o metal.

Termos de pesquisa:

  • o alumio derrete a quantos graus (1)

Artigos relacionados: